Quinta-Feira, 20 de Fevereiro de 2020

Centro de Operações Aéreas de Mato Grosso renova metade da frota para operações policiais




COMPARTILHE

Três novas aeronaves, sendo uma equipada com UTI, passaram a compor, neste ano, a frota do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), unidade da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT). Uma das aeronaves, modelo Baron, com capacidade para quatro passageiros e autonomia de cinco horas de voo já está em operação. As outras duas unidades estarão aptas para voar no próximo ano.

Das três aeronaves, duas são resultantes de apreensões feitas em operações policias e a Justiça determinou a integração ao Ciopaer. A terceira aeronave, modelo Chayenne II XL, com capacidade para dois tripulantes e seis passageiros e autonomia de seis horas e 30 minutos de voo, foi adquirida em parceria com o Ministério Público Estadual, que por meio de Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), destinou recurso para a Segurança Pública. As aeronaves foram incorporadas à frota em substituição aos modelos mais antigos.

Com o incremento, a corporação dispõe de seis aeronaves e três helicópteros para atuar em operações aéreas em todo o Estado. Além da sede, que fica no Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, o Ciopaer tem uma base descentralizada no município de Sorriso (398 km ao Norte de Cuiabá).

Segundo o coordenador da unidade, coronel PM Juliano Chiroli, o Ciopaer atua em conjunto com as unidades das forças de segurança: Polícia Militar, Polícia Judiciária Civil e Corpo de Bombeiros Militar e com outras secretarias estaduais, a exemplo da Saúde (SES) e Meio Ambiente (Sema).

“Nosso trabalho é empregar nossas aeronaves nas diversas missões das polícias. Com o emprego da nossa frota conseguimos estar em pontos extremos do Estado com maior rapidez e realizar ações que subsidiam a tropa que está em solo. Mas nossa atuação não se resume às forças de segurança. Dispomos de convênios para atender outras pastas do Governo”, enfatiza.

Balanço - No período de janeiro a novembro, o Ciopaer atuou em 865 operações deflagradas em Mato Grosso e somou 1.602 horas de voo. As ações resultaram ainda em 89 veículos recuperados, 21 armas apreendidas, 66 pessoas presas e 18 pessoas resgatadas.

As atividades do Ciopaer foram regulamentadas pelo Governo do Estado, em 17 de novembro de 2006, com o objetivo de centralizar em um único órgão o controle, operação e manutenção de aeronaves rotativas e de asas fixas empenhadas em atividades policiais. Ao todo, 90 servidores fazem parte do efetivo da tropa.

 


Autor:AMZ Noticias com Hérica Teixeira


Comentários:
O Jornal do Carajas não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

Nome:
E-mail:
Mensagem:
 



Copyright - Jornal do Carajas e um meio de comunicacao de propriedade da AMZ Ltda.
Para reproduzir as materias e necessario apenas dar credito a Central AMZ de Noticias